quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Como calcular o preço de uma peça artesanal?

Fonte: Internet

     Nós artesãs sabemos bem o quanto vale uma peça artesanal, o quanto de empenho, suor, carinho e dedicação colocamos em cada criação nossa, mas mesmo assim às vezes é difícil quantificar esse valor e ficamos perdidinhas na hora de colocar o preço não é? Pois bem, com base num artigo que li no site do SEBRAE (Procurei, mas não encontrei para fornecer o link aqui, sorry!), tentarei simplificar como podemos colocar um preço justo aos nossos trabalhos. E com a ajuda do maridex fiz uma planilha no Excel que é uma mão na roda na hora de calcular um orçamento!!

Primeiro precisamos avaliar tudo que está envolvido na confecção de uma peça, coisas como, material, luz, água, telefone, aluguel, tempo de produção e é claro, mão de obra. Neste ponto cada um inclui ou exclui os itens que desejar, se você não paga aluguel do seu ateliê, pois trabalha em casa, por exemplo, este item não entrará no seu cálculo.

Depois, precisamos saber quanto tempo levamos para confeccionar uma peça. Por isso, é bem perigoso sair dando preço de algo que você nunca fez antes, só de olhar numa foto. Pode acabar descobrindo que a peça é bem mais trabalhosa do que parecia e levará muito mais tempo para produzi-la, com isso, seu lucro será menor, isso se sobrar algum lucro!

Alguns custos são fixos e estão envolvidos em qualquer peça que façamos, para eles pode ser feito uma conta simples, que nos dará o valor que deverá ser agregado a cada produto vendido.

Mas vamos aos cálculos:

Material: Some tudo: Feltro, aviamentos, cola, tecidos, enchimentos, etc. Para exemplificar, vou imaginar uma peça que custe R$ 10,00 de material.

Tempo de produção: Quanto tempo você leva para produzir 1 peça. Na nossa peça imaginária será de 1 dia.

Valores fixos: Aqui cada um coloca os gastos fixos envolvidos na produção da peça orçada. Como luz, água, telefone... Na minha peça colocarei apenas o valor da luz, pois será necessária para a produção. Aqui é que vai uma continha para saber que valor adicionar. Pois bem, Somam-se os valores gastos no mês (somente daquilo que está envolvido na produção da peça). No meu exemplo, como é só a energia elétrica e o valor mensal é R$ 60,00.  Este valor é dividido por 30 (dias do mês) = R$2,00

Neste ponto existem duas situações, ou você tem um ateliê, neste caso o valor é este mesmo ou você trabalha em casa e dividirá novamente por 2 ( afinal você e sua família também gastam energia elétrica). Como este é o meu caso, divido por 2 e fica R$1,00 de valores fixos.

Salário: Simmmm, você pretende receber pelo seu trabalho, ok? Estipule um valor que você pretende receber pelo seu mês de trabalho. Aqui no nosso exemplo, vou colocar o valor de R$724,00 (salário mínimo).

Mão-de-obra: É o valor do seu salário dividido pelos dias trabalhados no mês multiplicado pelos dias utilizados na confecção da peça. No nosso caso, 724/25 x 1 = R$28,96

Custos administrativos: É o valor dos custos fixos mais a mão de obra. Aqui fica, 1 + 28,96 = R$29,96

Custos Totais: É a soma dos custos administrativos mais o valor do material utilizado na peça. Ou seja, 29,96 + 10 = R$39,96

E chega de contas!!

Então, R$ 39,96 é o valor que você precisa colocar no seu produto para garantir os custos envolvidos e um salário de R$ 724,00 ao fim de um mês trabalhado.

Emtendeu? Sei que parece muuuuuita conta, mas na planilha todos esses cálculos já estão feitos, simmm!!! Basta preencher apenas as lacunas de quantidade de peças, custo do material e dias de produção. Assim ficou bem mais fácil não é?

Na planilha, ainda existe o Valor de Mercado, que é o preço praticado “por aí”, assim você analisa se sua peça está acima ou abaixo do preço cobrado, se estiver abaixo, você pode ainda acrescentar um valor ao Custo total e poderá utilizar este valor em investimentos para seu trabalho como, máquinas, cursos, novas ferramentas...

Bom, é isso arteiras, acho que está bem explicado, mas qualquer dúvida, ficarei feliz em responder!!!

Bom trabalho e... Boas vendas!!!

Planilha para cálculo de preço:

https://docs.zoho.com/sheet/published.do?rid=udqvh373f97c4949c4813bbe78458304473ac

ps. Os valores que já estão na planilha são os do exemplo dado aqui no texto... É só substituir!!

8 comentários:

  1. Tudo bem explicadinho...
    Adorei, vou compartilhar na Feltro Love, muitas artesãs perguntam como fazer esse calculo, vai ajudar muito.
    Obrigada pela super dica.
    Bjs Paola

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada!! Eu também ficava perdida, mas pesquisando e com a ajuda do marido (no excel) cheguei a esses cálculos!

      Excluir
  2. Gentee, adorei as dicas. eu sempre ficava perdida, achando que colocava o preço ou acima ou abaixo. Muuito obrigada Alice, ajudou muito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disponha Laísla!! Pois é, agora mesmo que achem caro você sabe que está cobrando um preço justo!! Bjs!!

      Excluir
  3. Muito boa a planilha!!! Vai ajudar e muitooooo!
    Obrigada por dividir conosco!!! Vou compartilhar!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada Fernanda!! Fico feliz que esteja sendo útil!

      Excluir
  4. Olá, Alice. Parabéns pela sua iniciativa de propagar essa cultura de formação de preço na comunidade do artesanato. É, de fato, indispensável que os artesãos/artesãs levem tudo isso em conta na hora de precificar seu artesanato.

    Você conhece o Calcularte? É um aplicativo web especializado em auxiliar os artesãos na tarefa de definir o preço de venda do seu artesanato.

    Você informa o material que utiliza, suas despesas, seu salário desejado, carga horária de trabalho, tempo de produção e % de lucro desejado e pronto! O sistema te diz qual o preço justo pras suas peças, distribuído em mão de obra, custo com materiais, despesas rateadas, comissões, tudo certinho!

    E não precisa pagar nada pra conhecer o sistema porque tem a versão free (até 20 peças/produtos diferentes) e tem a versão com alguns recursos extras bem legais por só R$4,90 ao mês.

    Voce pode acessar o sistema aqui: http://www.calcularte.com.br

    Espero que você goste! Depois me diga o que achou.

    Abraços!

    ResponderExcluir